O fato ocorreu no último dia 03/10/2014 mais só foi divulgado pela Policia Militar no dia 06/10/2014 onde em patrulhamento a equipe do CPE da 45ª CIPM foi abordada por vários operários pedindo socorro.

Segundo informações da própria Polícia o mestre de obra disse que dois dos operários havia recebido uma forte descarga elétrica e se encontrava dentro da área em construção.

Os Policias rapidamente aplicaram os procedimentos de primeiros socorros em tentativa de reanimação das vitimais, que após bastante trabalho a vítima foi reanimada.

O acidente ocorreu em uma obra na Avenida Presidente Getúlio Vagas no centro da cidade.

As vítimas foram levadas para o hospital Municipal da cidade.

A falta de fiscalização e descumprimento de normas de segurança nesse setor, faz com que a construção civil, segundos dados da previdência social, ser o segundo maior setor em índices de morte por acidente do trabalho no Brasil.

Mais em nosso Município não existe uma fiscalização onde resguarde a integridade física dos operários e nem a presença de Técnicos de Segurança nos canteiros de obras, pois são muito comuns ver operários sem qualquer tipo de equipamento de segurança.

Como é possível observar na imagem acima, os operarios não tem qualquer tipo de proteção individual como Botas, Protetores auditivos e capacetes apropriados para construção civil.

Fonte: Foto (Site Polícia Militar – http://www.pm.go.gov.br/Portal1/index.php?link=2&idc=83210&idt=2)