Primeiros minutos da Black Friday brasileira as grandes redes varejistas do Brasil não suportou a quantidade de acesso de consumidores e usuários em busca das promoções que estavam sendo divulgadas há mais de meses. Em monitoramento em mais ou menos 10 grandes redes de lojas virtuais, faltava se ainda uma hora para iniciar a liberação das promoções, diversas lojas já se encontravam com seus sistemas travados.

Os consumidores desesperados em busca dos objetos de desejo e querendo aproveitar da grande oportunidade de poder de compra ligava para os cal center das empresas e os mesmos eram orientados a aguardarem em média 1 hora para que o sistema se restabelecesse. As ofertas também eram tentadoras havia produtos já anunciados bem antes do início da Black Friday com até 80% de desconto.

Entre os produtos mais procurados estavam os Smartphones com sistema Android e Tvs de Led. Aparelhos que em média custava de 829 a 1100 reais estava sendo ofertado por 539 reais. Quem se preparou conseguiu ou conseguira fazer grandes negócios. Lembre-se a Black Friday só uma vez no Ano.