Policiais civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Goiás prenderam, no dia 9 de dezembro, Arnaldo Felipe Rodrigues de Sousa (foto ao lado). O suspeito era investigado desde o mês de agosto pela prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico e teve sua prisão decretada pela Vara Criminal de Itapuranga. De acordo com as investigações, Arnaldo agia associadamente com Sérgio Fortunato da Silva, preso no mês de novembro transportando nove quilos de maconha.

As investigações comprovam que Arnaldo era o responsável pela venda de drogas nas cidades de Mozarlândia e Novas Crixás. Segundo o delegado titular do GENARC, Rodrigo do Carmo Godinho, o mandado de prisão poderia ter sido cumprido no dia 5 de dezembro, mas Arnaldo fugiu do Assentamento Crixá Assu, localizado acerca de 60 km da cidade de Nova Crixás.

Na oportunidade, foi realizada a apreensão de uma espingarda calibre 32 e munições calibre 22, 32 e 44, encontradas na residência do investigado. O delegado Rodrigo ressalta que a prisão só teve êxito por conta da colaboração dos policiais da Delegacia Municipal de Nova Crixás, em especial o delegado Murilo Gonçalves de Almeida, que permaneceram durante todo dia e noite, entre os dias 5 e 9 de dezembro, em diligências para a localização do investigado.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Goiás
Fonte( Texto/Foto): http://www.policiacivil.go.gov.br/