Categoria: Redes Sociais

Coreia do Norte fará desfile militar na véspera dos Jogos de Inverno

Kim Jong-un antecipou o desfile, que acontecia em abril Reuters Na próxima sexta-feira (8), pela primeira vez desde a separação entre as Coreias do Norte e do Sul, atletas de ambos os países vão desfilar sob uma única bandeira, na abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, na Coreia do Sul. Mas o que seria uma vitória da diplomacia e do esporte pode já começar abalada por outro evento grandioso. Neste caso, uma imensa parada militar que vai acontecer em Pyongyang, capital da Coreia do Norte, nesta quinta. Com a justificativa de comemorar os 70 anos da formação do exército norte-coreano, o evento será realizado a mando do líder Kim Jong-un. O desfile acontecia sempre em abril, mas o aniversário foi mudado de data por ordem do presidente. O primeiro ministro da Coreia do Sul, Lee Nak-yon, classificou de “lamentável” a decisão dos vizinhos do norte de promover o desfile militar na véspera dos Jogos de Inverno, segundo o Daily Express, da Inglaterra. Imagens de satélite feitas no início da semana mostram milhares de soldados e centenas de veículos em formação, no que pode ser um ensaio para a parada desta quinta. Observadores sul-coreanos estimam que pelo menos 13 mil militares participem da parada. Veja também Visita de dirigente norte-coreano aumenta esperança de diálogo Como é Panmunjom, o ‘lugar mais tenso do mundo’, onde as duas Coreias estão conversando...

Read More

Novas normas de plano de saúde para MEIs não limitam reajustes

Órgão de defesa criticam manutenção da sinistralidade Getty Images As novas regras para contratação de planos de saúde por MEIs (Microempreendedores Individuais) que entraram em vigor na semana passada ainda não atendem a todas as reivindicações dos órgãos de defesa do consumidor, que ainda observam brechas e permissão aos altos reajustes nos valores dos planos. Ao divulgar as novidades, a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) disse que a nova regulamentação tem a intenção de “coibir abusos relacionados a esse tipo de contratação” e dar “mais segurança jurídica e transparência ao mercado” dos planos de saúde. Veja também Plano de saúde para empresário individual tem novas regras Reajustes de planos de saúde podem ficar sujeitos a ANS Planos de saúde mais baratos escondem problemas que viram dor de cabeça Planos são obrigados a cobrir testes rápidos de dengue e chikungunya Plano de saúde para empresário individual tem novas regras Reajustes de planos de saúde podem ficar sujeitos a ANS Planos de saúde mais baratos escondem problemas que viram dor de cabeça Planos são obrigados a cobrir testes rápidos de dengue e chikungunya A pesquisadora em saúde do Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), Ana Carolina Navarrete, classifica o MEI como uma pessoa física tradicional e avalia o regulamento como uma “resposta fraca” da ANS para a falta de planos de saúde individuais disponíveis no mercado.  — A ANS,...

Read More

Teste: você controla seu dinheiro ou ele controla você?

Entre comprar e guardar, o que você prefere? Getty/Playbuzz Nem guardar tudo nem gastar demais, o segredo do sucesso nas finanças é manter o equilíbrio. Neste teste elaborado pelo SPC Brasil, qualquer que seja o resultado você terá dicas de como melhorar sua relação com o dinheiro. Se ainda tiver mais dúvidas sobre economia, dinheiro, direitos e tudo mais que mexe com o seu bolso, envie suas perguntas para “O que é que eu faço, Sophia?” pelo e-mail sophiacamargo@r7.com Curta no Facebook Fonte:...

Read More

Justiça decide hoje se reforma do trabalho vale para contratos antigos

Decisão será tomada pelos 26 ministros do plenário do TST EBC Os 26 ministros do plenário do TST (Tribunal Superior do Trabalho) decidem nesta terça-feira (6) se as mudanças impostas pela reforma trabalhista valem para todos os contratos atualmente em vigor no País ou somente para aqueles firmados a partir de 11 de novembro de 2017, quando o texto entrou em vigor. O pleno do TST vai avaliar alterações em 34 súmulas e OJs (orientações jurisprudenciais) propostas pela Comissão de Jurisprudência e de Precedentes Normativos. As súmulas e OJs não obrigam um posicionamento jurídico, mas servem como orientação para a decisão de juízes e desembargadores nas duas primeiras instâncias da Justiça do Trabalho. “Eu, como juiz de primeiro grau, não estou obrigado a cumprir a súmula, no sentido de ‘eu devo cumprir’. Mas ao descumprir uma súmula, eu crio à parte [vencedora] uma falsa expectativa, porque se a outra parte [derrotada] recorre, certamente ela ganha na hora que a ação chegar ao TST. Isso pode acontecer. Inclusive, uma das hipóteses de recurso para o TST é justamente a violação da súmula do TST”, afirma o juiz do Trabalho Marcos Scalércio, que atua no Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região e é diretor de Direitos Humanos da Amatra-2 (Associação dos Magistrados do Trabalho da 2ª Região). Veja também Ações trabalhistas despencam mais de 50% após reforma Ações trabalhistas despencam...

Read More

ANUNCIE AQUI

Fique Informado

Cadastre seu e-mail para para receber do nosso portal notificações de novos materiais.

Participe!

Você está aprovando a administração do prefeito de Mozarlândia nesse 2º Trimestre?

Resultado

Loading ... Loading ...