Autor: wraraujo

Política pública para crianças custa 7 vezes menos que assistência social

Garotos e garotas menos favorecidos aprendem 500 palavras a menos que colegas Tom Vieira Freitas/Fotoarena/Folhapress – 29.10.2017 Ainda mantidas em segundo plano por parte dos governantes do País, as políticas públicas para crianças representam um investimento sete vezes menor que as eventuais políticas de compensação e de assistência social adotadas quando as primeiras são ignoradas e deixadas de lado. Quem garante é a gerente de Parcerias para o Setor Privado do Pnud (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), Luciana Aguiar. A atropóloga afirma que, a cada US$ 1 investido em políticas públicas para crianças de até 6 anos, são economizados US$ 7 nas políticas de compensação e de assistência social. Em outras palavras, significa dizer que é melhor prevenir do que remediar. Luciana foi uma das palestrantes do 7º Simpósio Internacional de Desenvolvimento da Primeira Infância, realizado nesta terça-feira (7) em Fortaleza (CE). O evento reuniu autoridades e especialistas no Centro de Eventos do Ceará para discutir o tema. Antes dela, o presidente do conselho de curadores da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, Dario Guarita Neto, abriu o evento e destacou que “a causa da primeira infância é urgente e o investimento é fundamental”, porque, geralmente, “as crianças de classes menos favorecidas aprendem 500 palavras a menos até os três anos”. Vice-governadora do CE: ‘Pagamos preço pela falta de cuidado’ Divulgação A vice-governadora do Ceará, Izolda Cela, também presente...

Read More

Livro reúne textos premiados e traz o árduo trabalho da reportagem

König já recebeu prêmio jornalísticos nacionais e internacionais Divulgação/ Facebook da Editora Cursiva Passar meses investigando a mesma história e produzir reportagens em profundidade é realidade de alguns jornalistas no Brasil. Mauri König, que possui 27 anos de carreira, escreveu dezenas de textos como esse e, em outubro deste ano, lançou o livro Nos Bastidores do Mundo Invisível, uma coletânea com 18 reportagens investigativas publicadas de 2000 a 2016. Além dos textos premiados, o livro traz relatos sobre a produção de cada uma das reportagens. Segundo o jornalista, em entrevista ao R7, isto faria com que a publicação se tornasse inovadora e aumentaria o potencial de mercado, colocando o livro como boa opção didática em cursos de jornalismo.  Neste espaço, König discute dilemas éticos do exercício do jornalismo, a relação com personagens, a apropriação da história de alguém e outros questionamentos. Para ele, o relato se torna “tão ou mais interessantes do que a própria reportagem”, tanto para profissionais da área como para leitores comuns. — Para quem é leigo no jornalismo, às vezes fica impressionado com alguma reportagem, mas não tem ideia do quão trabalhoso é para conseguir uma informação. Citando o colega Marcelo Canellas, autor do prefácio do livro, König diz que o relato traz um quê de “mágico que revela seus truques”. Para selecionar quais textos entrariam no livro, o autor diz ter feito uma curadoria...

Read More

Gasolina e diesel devem ficar mais caros a partir deste terça-feira (7)

Gasolina e diesel devem ficar mais caros hoje Ricardo Moraes/Reuters O GEMP (Grupo Executivo de Mercado e Preços) da Petrobras decidiu nesta segunda-feira (6) autorizar reajustes de 2,3% para a gasolina e 1,9% para o diesel, uma vez que foi atingido, para a gasolina, o limite superior de variação de 7% fixado pela política de preços da companhia para decisões da área técnica. O reajuste entrou em vigor à zero hora desta terça-feira (7).  Segundo a estatal, o reajuste foi causado principalmente pelo aumento das cotações dos produtos e do petróleo no mercado exterior, influenciado pela geopolítica internacional, assim como pela continuidade da política de contenção da oferta pela Opep (Organização dos Países Produtores de Petróleo). Além disso verificou-se uma depreciação do valor do real frente ao dólar. A avaliação dos representantes do GEMP é que a política de preços definida pela Petrobras tem sido capaz de garantir a “aderência dos preços praticados pela companhia às volatilidades dos mercados de derivados e ao câmbio”. Com os ajustes definidos nesta segunda, a área de marketing e comercialização da Petrobras volta a contar com uma faixa de -7% a +7% para operar os movimentos de preços necessários ao longo do mês. Caso este limite seja novamente ultrapassado, o GEMP realizará novas reuniões ao longo do período. As reuniões de avaliação do GEMP são realizadas, no mínimo, uma vez por mês. Fonte:...

Read More

Cármen Lúcia autoriza reforço para Fachin acelerar a Lava Jato no STF

Cármen Lúcia autorizou reforço para a Lava Jato José Cruz/26.10.2017/Agência Brasil A presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia, autorizou o remanejamento de cinco servidores do Tribunal para o gabinete do ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na Corte, com o propósito de reforçar os trabalhos na condução dos inquéritos e demais ações relacionados à operação. O pedido de reforço partiu do próprio ministro Edson Fachin, que já havia feito solicitação parecida no mês de abril. Na época, Cármen e Fachin chegaram a acertar a criação um grupo de assessoria especializada para conferir celeridade aos processos da Operação Lava Jato — que não saiu do papel. Fachin vai ganhar reforço de servidores do STF Carlos Moura/STF – 26.10.2017 Com cerca de 80 inquéritos relacionados à Lava Jato, Fachin quer dar mais celeridade aos processos. A autorização da chegada de reforços veio após conversa entre os ministros na semana passada. O Supremo não confirmou quais serão os cargos específicos desses servidores no gabinete de Edson Fachin. Também não foi informado quando eles começarão a trabalhar com o relator da Lava Jato. Fonte:...

Read More

ANUNCIE AQUI

Fique Informado

Cadastre seu e-mail para para receber do nosso portal notificações de novos materiais.

Participe!

Você está aprovando a administração do prefeito de Mozarlândia nesse 2º Trimestre?

Resultado

Loading ... Loading ...