Auditório Simón Bolívar reabre após reforma com material antichamas
Divulgação – 15.12.2017

Após quatro anos fechado por causa de um incêndio que danificou sua estrutura, o Auditório Simón Bolívar, do Memorial da América Latina, localizado na Barra Funda, zona oeste, reabre suas portas nesta sexta-feira (15), às 19h30.

A reforma do espaço começou em 2014 e custou R$ 42 milhões. “No dia 29 de novembro de 2013 o incêndio consumiu o auditório. Em setembro de 2014, o IPT (Insituto de Pesquisas Tecnológicas) apresentou um laudo comprovando que não havia o risco de desabamento do prédio. A partir daí começamos as obras de recuperação estrutural”, explica o presidente do Memorial, Irineu Ferraz.

Ferraz destaca que todo o material utilizado no ‘recheio’ do Auditório como poltronas, cortinas e revestimentos é feito com material antichama. “Investimos em segurança e até mesmo os fios usados para a confecção do tapete da Tomie Ohtake evitam a propagação de fogo.” 

Além do prédio que leva a assinatura do arquiteto Oscar Niemeyer, duas obras de arte foram afetadas pelo incêndio. A escultura Pomba, de Alfredo Ceschiatti precisou ser restaurada e o tapete de 800 metros quadrados de Tomie Ohtake foi refeito seguindo à risca as orientações da artista plástica. “No caso da Pomba, a escultura feita de bronze ficou escurecida pela fumaça e fuligem. Contratamos o restaurador Cezar Roberto Olandim para devolver a cor original à peça. No caso do tapete, na época do incêndio Tomie ainda estava viva, ela nos acalmou — tinha o projeto e o desenho do tapete em seu Instituto. Seguimos suas orientações para a confecção de uma nova peça. Vale destacar que a obra de arte consiste no desenho do tapete idealizado por Tomie.”

Programação

A abertura oficial terá a presença de autoridades e uma apresentação da orquestra Jazz Sinfônica, que volta ao palco de seu concerto de estreia. O público presente também poderá conferir danças típicas no foyer do auditório com apresentação de mariachis mexicanos, cuecas chilenas, dançarinos de tango e a harpista paraguaia Lucero Ovelar.

No sábado (16), a orquestra volta ao palco para o espetáculo Jazz & Divas – Homenagem a Elza Soares, desta vez, aberto ao público. O show será apresentado pela atriz Vera Fischer e levará ao palco a Jazz Sinfônica e as nomes como Baby do Brasil, Paula Lima, Lineker, Rosana, Vania Bastos, Sandra de Sá, As Bahias e a Cozinha Mineira. 

Serviço

Reinauguração do Auditório Simón Bolívar
Data: 15 de dezembro de 2017
Horário:19h30
Evento para convidados

Entrega ao público do Auditório Simón Bolívar
Show “Jazz & Divas – Homenagem a Elza Soares”
Data: 16 de dezembro de 2017
Horário: 21h
Ingressos: www.totalplayer.com.br | bilheteria física do Memorial
Classificação: 14 anos
 

Fonte: R7